15 de Julho – Dia do Homem

Atualizado: Out 5

É um avião, é um pássaro? Não! É o Super-Man!

Hoje meu blog é para homenagear os Homens!

Posso começar confessando a vocês que sou uma mulher de sorte. Em minha vida fui cercada por homens íntegros, amigos, fortes e protetores.

Não me lembro de nenhuma imagem negativa. Dos professores aos mestres, dos meus avôs até meus filhos, dos amigos e colegas, dos chefes aos empregados, tive ótimos exemplos, maravilhosos orientadores e grandes parceiros.

E, sim, em vários momentos na vida vocês se transformam em nossos super-heróis!

Por isso, pautada em toda a minha gratidão ao sexo masculino é que faço esse apelo.

Lembro que certa vez minha mãe me disse:

“Filha, o que seria dos homens se não existissem as mulheres?” (rs).

Claro que foi uma “retórica” sobre algum assunto qualquer que não me lembro mais, no entanto, ao assistir a Live da Abramge – Associação Brasileira de Planos de Saúde sobre – A importância do olhar para saúde do homem – essa lembrança reacendeu em minha memória.

Nessa live, comenta-se exatamente isso, ou seja, que grande parte do universo masculino vai ao médico, porque suas mulheres assim exigem, inclusive, marcando consultas e acompanhando seus parceiros para ter certeza de que foram atendidos (rs).

Vocês até podem ser super-heróis, mas precisam se cuidar!

Assistindo a live me dei conta de que faço parte desse grupo de protetoras!

Eu cuido do meu marido!



Resumidamente, a live aborda alguns pontos interessantes que divido com vocês, principalmente para os homens.

A saúde do homem é o estudo de condições ou doenças, fatores de risco e tratamentos que são específicos para homens em sua vida, dentro do contexto de bem-estar físico, mental, emocional, social e espiritual.


Mundialmente é comprovado que a saúde do homem é pior do que a das mulheres, com expectativa de vida de 06 anos a menos do que o sexo feminino, conforme estudos.

Alguns fatores biológicos, ambientais e comportamentais explicam a discrepância de saúde entre os sexos:

- Hipertensão;

- Obesidade;

- Álcool;

- Fumo;

- Atividades ocupacionais;

- Doenças cardíacas;

- Doenças pulmonares crônicas;

- Menor controle médico;

Segundo pesquisas, o homem acessa o sistema de saúde por meio da atenção especializada, já com problema de saúde instalado e evoluindo de maneira insatisfatória.


Consequências:

Agravo da morbidade;

Maior sofrimento;

Menor possibilidade de resolução;

Maior ônus para o sistema de saúde;

Instituída em 2009, a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem (PNAISH) tem como objetivo promover a melhoria das condições de saúde da população masculina brasileira.

A normativa é dividida em eixos prioritários, que englobam o acesso e o acolhimento, o planejamento familiar, o incentivo ao acompanhamento da paternidade desde a gestação, a prevenção de violências e acidentes e o cuidado em relação às doenças prevalentes na população masculina.

Então vai aqui meu apelo:

Homens, se cuidem para que possam continuar sendo nossos super-heróis!

Até a próxima!!! Se cuidem!!!

Felicidades!

Mírcia Ramos


Texto revisado por Ana Elisa Carvalho de Aguiar – Professora de Língua Portuguesa

Produção Virtual: Hannah Sloboda


148 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo