Justiça & Saúde (Dia da Justiça 2021)

“Ver o que é injusto e não agir com justiça é a maior das covardias humanas”

Confúcio, Filósofo chinês

Apesar de ter um significado abstrato, é através da justiça que se busca a igualdade de todos os cidadãos e se conquista a ordem social.


E por que trago esse assunto no blog?


Porque gostaria de falar com você, mais especificamente sobre a justiça e a promoção da saúde que apresentam importantes interseções, abrangendo o exercício dos direitos de cidadania com equidade e qualidade de vida.


O abarcar a saúde, em seu sentido macro e com um viés moral especial, deve ser protegido pelos princípios da liberdade e igualdade de oportunidades, uma vez que, existe como cerne a essa questão a importância moral da saúde, em virtude do impacto inegável que tem na vida das pessoas e nas oportunidades.


Mas, vamos começar do começo!


O que é justiça?


Bem, parece-me que um conceito simplista de justiça é aquele que informa ser uma particularidade do que é justo e correto, como o respeito à igualdade de todos os cidadãos.


Em minha opinião, a importância da Justiça está, justamente, ligada ao seu caráter mais inegável, que é a igualdade de direitos e deveres que possibilitem a vida em comum.


Logo uma sociedade só é justa quando os cidadãos gozam de condições reais, amparadas democraticamente. Isso significa dizer que sua conquista é a base da igualdade, do equilíbrio e da justiça social, a qual só se fará com a nossa participação ativa e é, por isso, que te convido a refletir sobre o tema.


Saúde em todas as partes


O desenvolvimento econômico e social sustentável do país depende da promoção e da proteção da saúde da sociedade com uma participação concreta, legítima e consciente, uma ação coordenada entre todas as partes envolvidas (públicos e privados).


Há um chamamento velado há anos por ações mais efetivas de todos, perante a todos.


Decisões acerta de questões cotidianas suscitam tomadas de posição e as respostas a essas questões são essenciais para pôr fim às discussões e garantir avanços sociais.


Vejam que com a pandemia, o que já era claro, ficou escancarado, no entanto, alcançar a tal justiça social não é tarefa fácil, apesar de urgente, pois trata-se de um princípio importante para a coexistência pacífica em todos os graus da sociedade.


“Num país dividido entre poucos ricos e muitos pobres, a forma de promover justiça social não pode ser apenas o assistencialismo.”

José Serra


Mas, o que é justiça social?


De acordo com pesquisas realizadas, entende-se que o conceito de justiça social está associado às desigualdades sociais e às ações voltadas para sua solução, ou seja, consiste na obrigação e compromisso do Estado e da Sociedade em buscar recursos para findá-las.


Por essa perspectiva, a justiça social é um mecanismo que busca fornecer e materializar os direitos de cada cidadão como, por exemplo, assegurar o acesso à saúde.


Portanto, a ideia de justiça social focada em saúde, abrange garantir qualidade de vida a toda a população, oferecer saúde de qualidade, estabelecer políticas de combate à mortalidade infantil, dentre outras.


Ocorre que nessa balança da justiça, a população só perde. A venda e a espada, símbolos de imparcialidade e força na figura que representa a Justiça, neste jogo nada representam. Estamos cegos e à deriva e na disputa entre diversos interesses, a balança da justiça em saúde, pende para um único lado, o que coloca em xeque a própria noção do correto e justo.


A importância da justiça social


Mas por que esse é um princípio tão importante?


Porque a justiça social é primordial para a coexistência pacífica de todos e para o desenvolvimento sustentável do país. É preciso entender, interiorizar e exercitar o que esse princípio representa, visando a uma convivência harmoniosa e segura.


Lutar pela justiça social, deletando de nossos dias às desigualdades sociais, é o primeiro passo para se alcançar uma sociedade igualitária.


E, aproveitando o dia de hoje, 08 de dezembro, dia que se comemora o Dia da Justiça presto minha homenagem e meus parabéns a todos os órgãos e operadores que desempenham bravamente essa missão, fazer JUSTIÇA e que o significado abstrato da palavra se concretize em nossa realidade!


Até a próxima!!! Se cuidem!!!


Felicidades!


Mírcia Ramos



Texto revisado por Ana Elisa Carvalho de Aguiar – Professora de Língua Portuguesa

Produção Virtual: Hannah Sloboda




24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo